PIB dos EUA encolhe 0,9% no 2º trimestre, e país entra em recessão técnica

Economia do planeta ocorre em meio ao aperto agressivo da política monetária para combater a alta inflação.

2º trimestre


O PIB (Produto Interno Bruto) — soma de todos os bens e serviços produzidos — dos Estados Unidos registrou contração de 0,9% no segundo trimestre deste ano, em termos anualizados, de acordo com a primeira leitura do indicador divulgada nesta quinta-feira (28) pelo Departamento do Comércio do país.

Como a atividade econômica encolheu 1,6% nos três primeiros meses do ano, a maior economia do planeta teve dois trimestres consecutivos de retração, um critério normalmente utilizado por economistas para definir uma recessão técnica.

O movimento ocorre em meio ao aperto agressivo da política monetária do banco central para combater a alta inflação, o que pode alimentar temores do mercado financeiro de que a economia já esteja em recessão.

Ontem (27), ao elevar a taxa básica de juros em 0,75 ponto percentual na tentativa de esfriar a inflação mais intensa no país desde a década de 1980, o Federal Reserve avaliou que "os indicadores recentes de gastos e produção abrandaram", um aceno para o fato de que o ciclo de aumentos dos juros está começando a pesar no enfraquecimento da economia local.

O Departamento do Comércio dos EUA informou também que o índice de preços de gastos com consumo (PCE, na sigla em inglês) subiu à taxa anualizada de 7,1% entre abril e junho, replicando o desempenho do primeiro trimestre. Já o núcleo do PCE, que desconsidera preços de alimentos e energia, avançou 4,4% no mesmo intervalo, após alta de 5,2% no trimestre anterior.

Fonte: R7, com Reuters e Agência Estado

QR Code


Comentários


Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através doVale do Piancó Notícias, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.