Pastor Estevam Fernandes apela aos fieis por bom senso diante da pandemia: “milhares de brasileiros estão morrendo”

Com isso, o presidente da Primeira Igreja Batista da capital paraibana destaca a necessidade de “bom senso em prol da vida, em prol da esperança, pelo bom senso. Bom senso é a capacidade de sair de si e pensar nos outros e não pensar só a partir de si”.

Pandemia


O pastor Estevam Fernandes, presidente da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, pediu bom senso aos fieis diante da pandemia e os crescentes números de casos confirmados e óbitos por Covid-19: “milhares de brasileiros estão morrendo”. 

A fala do religioso ocorre após a aprovação do projeto de lei que torna as atividades religiosas como essencial em João Pessoa. 

“Pensem em tempos difíceis. Fechar tempo pense que difícil. Isso também me afeta, me faz sofre. Não há consenso sobre isso. Por isso eu faço um apelo, já que não há consenso, que haja bom senso”, afirmou como o ClickPB apurou. O pastor Estevam Fernandes ressalta em sua fala que “milhares de brasileiros estão morrendo. Três estados em quase colapso do sistema de saúde. João Pessoa não é diferente. Hospitais cheios, UTIs lotadas”.

Com isso, o presidente da Primeira Igreja Batista da capital paraibana destaca a necessidade de “bom senso em prol da vida, em prol da esperança, pelo bom senso. Bom senso é a capacidade de sair de si e pensar nos outros e não pensar só a partir de si”. Além disso, frisou em seu discurso a comunidade: “Os templos estão fechados, mas a igreja não. Nós somos a Igreja. Somos a Igreja. Ela está aberta mais do que nunca”.

Fonte: Por Aline Martins

QR Code


Comentários


Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através doVale do Piancó Notícias, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.