Após trocar fotos íntimas com perfil falso, homem perde R$ 2 mil em extorsão na região de Patos

O golpe teve início com uma jovem pedindo amizade através do Facebook.

Golpe


Ainda constrangido, a vítima prefere não falar com a reportagem, mas um familiar pediu para alertar a região de Patos de que perfis falsos estão sendo usados para extorsão após trocas de fotos íntimas por WhatsApp.

O golpe teve início com uma jovem pedindo amizade através do Facebook. Depois de algumas mensagens trocadas, a jovem pseudo adolescente pede para conversar através do WhatsApp e logo começam as fotos sensuais enviadas de forma sutil. As vítimas são sempre homens e o envolvimento é muito rápido com a “amiga” sendo cada vez mais ousada no envio de fotos e vídeos picantes.

Quase sem perceber, a vítima já se encontra bastante dominada e daí começa também a enviar fotos íntimas. Dias depois, o homem é contactado por alguém que se passa por delegado de polícia e que tem em mãos uma denúncia da família da jovem que flagrou as conversas e exige reparação judicial.

Bastante constrangido e tendo a possibilidade de suas conversas serem publicadas, a vítima também é contactada pelo advogado da família que pede dinheiro em forma de reparo aos danos e para evitar que o processo seja aberto.

No caso específico, a vítima depositou R$ 2.000,00 e logo após o nada provável advogado pede mais R$ 1.000,00 para cancelar de vez a ação que será ajuizada. Para piorar a situação, o homem envolvido enviou cópias de documentos e de cartões que foram usados pelos golpistas.

O caso foi parar na Delegacia de Polícia Civil e o homem, da região de Patos, agora está desesperado, pois está desempregado e teve que conseguir o dinheiro emprestado com amigos.

Fonte: Patos Online

QR Code


Comentários


Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através doVale do Piancó Notícias, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.