Vereador afirma que foi a delegacia após policiais deterem sobrinho e que caso não passa de perseguição política

Segundo a versão do vereador, que o ClickPB teve acesso, ele estava no município quando aconteceu a festa.

Versão


O presidente da Câmara de vereadores de Cacimbas, José Arruda Cruz, informou que os policiais distorceram os fatos sobre a festa que aconteceu no município de Desterro. Segundo a versão do vereador, que o ClickPB teve acesso, ele estava no  município quando aconteceu a festa. 

Ainda segundo o vereador, ele foi até à delegacia porque os policiais estavam detendo um sobrinho dele.

José Arruda Cruz afirmou que a versão dada pelos policiais é uma "falsa comunicação de crime" e que o caso "não passa de perseguição política. 

O caso aconteceu no último domingo (16), os policiais informaram que o presidente da Câmara do município de Cacimbas, José Arruda Cruz foi detido, após promover uma festa com aglomeração e desacatar os policiais. 

No local, os policiais solicitaram que ele encerrasse a festa, devido a aglomeração e o descumprimento das medidas sanitárias como a falta de uso de máscaras e sem distanciamento social. Ainda de acordo com os policiais, o vereador não cumpriu a ordem e disse que as pessoas permanecessem no local. Além disso, ele usou da força para repreender a PM.

Fonte: Por Isabela Melo

QR Code


Comentários


Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através doVale do Piancó Notícias, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.