Sargento da Polícia Militar morto com tiros na cabeça teria sido vítima de retaliação por intervenção em outro crime

Ele foi encontrado morto com dois tiros na cabeça nesta quinta-feira (13) no bairro de Colinas do Sul, em João Pessoa, próximo de onde morava.

Hipótese


Uma das hipóteses levantadas na investigação da morte do sargento da Polícia Militar, identificado como Freire, é de que ele teria sido vítima de uma retaliação por ter intervido em um assalto anterior. Ele foi encontrado morto com dois tiros na cabeça nesta quinta-feira (13) no bairro de Colinas do Sul, em João Pessoa, próximo de onde morava.

Segundo informações obtidas pelo ClickPB, no crime anterior, os assaltantes abordaram terceiros e teriam fugido após serem supreendidos com tiros disparados pelo sargento. Uma motocicleta usada no assalto foi deixada para trás.

Os mesmos suspeitos, então, teriam identificado e executado o militar durante o trajeto que a vítima fazia regularmente a uma área de vegetação com o objetivo de "campear", prática de colocar pássaros em gaiolas para fazer um duelo de canto.

Nenhum suspeito foi preso até o momento.

Fonte: Rafael Andrade/ClickPB

QR Code


Comentários


Aviso Legal: Qualquer texto publicado na internet através doVale do Piancó Notícias, não reflete a opinião deste site ou de seus autores e é de responsabilidade dos leitores que publicam.