Sargento da PM se recupera da Covid-19 após 40 dias internado, na Paraíba; ‘grato pela cura’50623

Policial ficou entubado por 14 dias. Ele passou a maior parte do tempo desacordado e relata que mesmo recuperado, ainda está debilitado.

Sargento da PM se recupera da Covid-19 após 40 dias internado em hospital, na PB — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Os últimos quarenta dias vividos pelo sargento da Polícia Militar, Francisco de Assis Almeida, de 61 anos, foram marcados por dificuldades, mas também pela força de vontade para vencê-las. Diagnosticado com Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, ele passou mais de um mês hospitalizado no Sertão da Paraíba e recebeu alta médica, na última segunda-feira (25), após se recuperar.

A recuperação representa uma vitória para ele. "Fiquei muito feliz, pois venci a essa doença devastadora. Apesar de ainda estar debilitado, estou grato a Deus pela minha cura", declarou.

Francisco de Assis atua na Guarda Militar da Reserva, do 6º Batalhão da Polícia Militar em Cajazeiras. Ele estava afastado do serviço policial desde o mês de março, por fazer parte grupo de risco da doença devido à idade.

Em casa, ele teve contato com familiares que apresentavam sintomas suspeitos de infecção pelo novo coronavírus e testou positivo para a doença, conforme explicou o tenente-coronel Nicolau Terceiro, comandante do 6º batalhão de Polícia Militar.

Após sentir o agravamento dos sintomas, o policial foi encaminhado para o Hospital Regional de Cajazeiras (HRC), onde o quadro de saúde dele se complicou e precisou ser entubado por 14 dias. Ele relatou o pouco que lembra sobre como foi conviver com a doença.

“Inicialmente é preocupante porque é um momento que temos a certeza de ir e a dúvida se voltamos para casa, mas sempre acreditei e acredito em um Deus vivo cheio de misericórdia. Mas me recordo pouco pois como minha filha me falou passei alguns dias desacordado porque estava usando ventilação mecânica”, explicou.

Francisco de Assis também ressaltou a importância dos profissionais de saúde para recuperação. “Percebi que estava sendo muito bem assistindo pela equipe do hospital. Não tenho palavras para mencionar tamanho carinho e dedicação da equipe desde a moça da higienização aos médicos, enfermeiros, fisioterapeuta e os demais profissionais”, pontuou.

Durante a alta do hospital, o sargento foi exaltado pela equipe médica, que fez continências para homenageá-lo, e os familiares que o receberam. Agora, ele descansa em casa, onde mantém as recomendações de isolamento social.

'Operação Previna-se'

Conforme a assessoria de comunicação da Polícia Militar da Paraíba, desde o mês de março, a instituição atua na prevenção e no combate à disseminação do novo coronavírus entre os membros da corporação, com a entrega de máscaras e álcool em gel para o efetivo. Além disso, foram adotadas uma série de procedimentos que reduziram as aglomerações internas, como reuniões, solenidades, formaturas, e aulas nos centros de formação, atividades que foram vetadas.

Novos procedimentos policiais durante a abordagem foram colocados em prática para garantir o distanciamento entre pessoas. A limpeza de viaturas e locais de trabalho foi intensificada. As ações fazem parte da “Operação Previna-se” e são acompanhadas por uma comissão temporária criada para o enfrentamento à pandemia de Covid-19.

Fonte: Redação do Vale do Piancó Notícias com G1