Preso em Piancó, jovem chora e diz por que entrou para o comércio de entorpecentes34998

Abalado emocionalmente com a prisão, o jovem chorou e disse aos policiais que o desemprego o levou ao tráfico

Primário, de bons antecedentes e pai de dois filhos pequenos, o jovem Edgleisson Quidute de Sousa, de 22 anos, foi preso pela primeira vez nessa quinta-feira, 21, em Piancó, onde reside, e, com ele, os policiais encontraram uma boa quantidade de entorpecente, possivelmente cocaína prensada, mas uma perícia no material é que vai definir a substância.

Abalado emocionalmente com a prisão, o jovem chorou e disse aos policiais que o desemprego o levou ao tráfico. Ele contou que
tentou a vida em algumas atividades laborais, uma delas como vendedor de vassouras, mas não deu resultado financeiro suficiente para alimentar a família. Para evitar que seus filhos passassem necessidade, ele entrou para o tráfico de drogas, mas se mostrou muito arrependido.

O desemprego e a falta de perspectiva dos jovens de Piancó têm levado muitos deles ao crime ou à prostituição. No caso do rapaz
preso nessa quinta-feira, ele foi levado pelos policiais militares à delegacia, onde foi autuado pelo delegado José Pereira e será
encaminhado à cadeia local, mas, como é primário, a Justiça poderá permitir que ele responda ao processo em liberdade.
 

Fonte: Redação do Portal Vale do Piancó Notícias com Folha do Vale